[Lançamentos] Os Pássaros – Frank Baker – @DarkSideBooks

Os Pássaros – Frank Baker

AQUELES QUE SÃO VELHOS O SUFICIENTE PARA SE RECORDAR AINDA FALAM DOS DIAS “ANTES DA CHEGADA DOS PÁSSAROS”.

Pássaros. Milhares, talvez milhões, sobrevoam Londres, de forma aparentemente inexplicável e sem sentido, onde parecem observar os habitantes da capital, que os consideram divertidos, se tanto um pouco estranhos. Enquanto as pessoas ainda tentavam entender o que faziam ali, eles começam a atacar, ferindo e até mesmo matando com tremenda brutalidade e violência.

Seriam eles uma força da natureza ou uma manifestação sobrenatural? Ninguém sabe. A única certeza é que o objetivo dos pássaros é a destruição da humanidade e ninguém tem ideia de como impedi-los…

os-passaros-site-darkside-post

DESVENDE O MISTÉRIO:

AMAZON AMERICANAS SUBMARINO

Você conhece o filme. É um dos maiores clássicos de Alfred Hitchcock, de 1963. Nos créditos, consta que a história é baseada no conto “Os Pássaros”, de Daphne du Marier, escritora que o mestre do suspense já havia adaptado antes em A Estalagem Maldita (1939) e Rebecca, a Mulher Inesquecível (1940) – livro também acusado de plágio devido às semelhanças com um romance brasileiro publicado em 1934: A Sucessora, de Carolina Nabuco.

Quase trinta anos após seu lançamento, o romance de Frank Baker ganharia repercussão quando o autor ameaçou processar Hitchcock e Daphne Du Maurier. Para deixar essa estranha coincidência com ares de plano macabro: Daphne era prima do antigo editor de Frank Baker, o inglês Peter Davies, e chegou a trabalhar com o parente.

os-passaros-site-darkside-hitchcock-768x971

No ano em que se celebra os 80 anos da primeira edição, a DarkSide® Books orgulhosamente apresenta o livro OS PÁSSAROS para todos os leitores e cinéfilos brasileiros apaixonados por um bom susto. Um retrato sombrio e acurado de uma Londres pré-Guerra, como se Baker conseguisse vislumbrar o futuro próximo de terror e feitos inomináveis apresentado pela Segunda Guerra Mundial.

Narrado em primeira pessoa por um dos sobreviventes do ataque mortal, o romance traça um panorama ao mesmo tempo irônico e crítico ao capitalismo e às sociedades ocidentais, que ainda se recuperavam da Primeira Guerra e da crise econômica iniciada com o Crash da Bolsa de Nova York, em 1929, mas seguiam cometendo barbaridades, em nome da civilização, em lugares como a África.

A edição da DarkSide® Books, em Limited Edition (capa dura) é fiel à versão definitiva, revisada à mão pelo próprio autor, em 1964. OS PÁSSAROS conta ainda com uma introdução feita por Ken Mogg, respeitado estudioso da obra de Hitchcock. Mais um livro imperdível da DarkSide®, editora responsável pelo primeiro relançamento de Psicose (2013), de Robert Bloch, no Brasil, depois de quase 50 anos.

os-passaros-site-darkside-hitchcock-classico-768x439

“Frank Baker é um escritor incomum e interessante, às vezes bastante similar ao grande mestre do sobrenautral Arthur Machen.”
– MICHAEL DIRDA, WASHINGTON POST – 

“A obra mais original de ficção imaginativa desde que H.G. Wells escreveu A Guerra dos Mundos.”
– BIRMINGHAM MAIL – 

“Em oposição aos romances escritos para consumo de massa, as fantasias de Frank Baker são um prazer inesgotável para aqueles que se deixam entrar em seu mundo.”
– NEW YORK TIMES – 

“A história […] é engenhosa e se sai bem ao criar uma atmosfera sinistra.”
– TIME AND TIDE – 

Sobre o autor:

Frank Baker nasceu em Londres, em 1908. Trabalhou como funcionário em uma companhia de seguros marítimos na City de Londres, entre 1924 e 1929, experiência que ficcionalizou mais tarde em Os Pássaros. Seu primeiro romance, The Twisted Tree, foi publicado em 1935 por Peter Davies, depois de ser recusado por nove editoras. O livro foi bem-recebido pelos críticos e estimulou Baker a continuar escrevendo. Em 1936, publicou Os Pássaros, que vendeu apenas 300 exemplares. No entanto, em 1964 – um ano após a estreia do clássico filme de Alfred Hitchcock de mesmo nome –, Os Pássaros foi republicado pela Panther e recebeu nova atenção. O maior sucesso de Baker foi Miss Hargreaves (1940), uma fantasia cômica em que dois jovens inventam uma história sobre uma velha senhora apenas para descobrir que a imaginação deles a trouxe, de fato, para a vida. Baker continuou a escrever, tendo publicado mais de uma dezena de livros, incluindo Mr. Allenby Loses the Way (1945), Embers (1947), My Friend the Enemy (1948) e Talk of the Devil (1956). Faleceu em Cornwall, em 1983. Os Pássaros é sua primeira obra publicada no Brasil.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s