[Resenha] O Orfanato da Srta Peregrine para Crianças Peculiares Livro+Filme @EditoraLeya

livro-o-orfanato-da-srta-peregrine-para-criancas-peculiares-ransom-riggs-5550356

O Orfanato da Srta Peregrine para Crianças Peculiares – Ransom Riggs

Sinopse:

Milhões de cópias vendidas em todo o mundo!

Traduzido para mais de 40 idiomas!

Eleito uma das 100 obras mais importantes da literatura jovem de todos os tempos

Tudo está à espera para ser descoberto em “O orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares”, um romance que tenta misturar ficção e fotografia.

A história começa com uma tragédia familiar que lança Jacob, um rapaz de 16 anos, em uma jornada até uma ilha remota na costa do País de Gales, onde descobre as ruínas do Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares. Enquanto Jacob explora os quartos e corredores abandonados, fica claro que as crianças do orfanato são muito mais do que simplesmente peculiares. Elas podem ter sido perigosas e confinadas na ilha deserta por um bom motivo. E, de algum modo – por mais impossível que possa parecer – ainda podem estar vivas. “Mesmo sem as fotos, esta seria uma história emocionante, mas as imagens dão um irresistível toque de mistério. A narração em primeira pessoa é autêntica, engraçada e comovente.

Estou ansioso para o próximo volume da série!” RICK RIORDAN, autor da série Percy Jackson e Os Olimpianos.

“Um romance tenso, comovente e maravilhosamente estranho. As fotos e o texto funcionam brilhantemente juntos para criar uma história inesquecível.” JOHN GREEN, autor de A culpa é das estrelas.

 “Vocês têm certeza de que não fui eu quem escreveu esse livro? Parece algo que eu teria feito…” TIM BURTON





Resenha livro:

Quando eu adquiri o livro pensei, será que irei conseguir lê-lo, pelo fato de ser uma trama tão fantástica fiquei um pouco na dúvida, ainda mais depois dos primeiros capítulos, mas ainda bem que dei uma chance a esse livro, pois, fiquei completamente apaixonada pelo universo de Ransom Riggs.

Que estória fantástica e que imaginação mais maravilhosa, a narrativa é perfeita, e os personagens ricos em detalhes, toda a trama é bem-feita e todos os pontos muito bem explorados, cenários bem descritos e sem deixar a desejar em nada!

Jacob não tem nada do mocinho assustado de alguns livros em que o personagem central começa perdido, ele não sabe que tem que ser forte, embora duvide um pouco de tudo que lhe fora passado, ou seja, em todos os contos fantásticos que seu avô narrava. Com o tempo ele se rende em embarca na melhor coisa de sua vida, e com as melhores pessoas.

Tudo no livro marca, todos os personagens são maravilhosos e únicos, quanto mais se avança nos capítulos, mais o leitor quer descobrir o que virá e a emoção toma conta da imaginação e você se perde na trama, ficando cada vez mais encantado com o que virá.

Quando soube do filme fiquei mais empolgada para terminar logo e ver o resultado passado para as telas de cinema.

Melhor livro fantástico que já li.

Nota: 5/5 estrelas.

Capa livro original:

516nbsock-l-_sx326_bo1204203200_

Sinopse e detalhes filme:

cdmwiqjusaax9l1

Após a estranha morte de seu avô (Terence Stamp), o jovem Jake (Asa Butterfield) parte com seu pai para o País de Gales. Lá ele pretende encontrar a Srta. Peregrine (Eva Green), atendendo ao último pedido do avô, que lhe disse que “ela contará tudo”. Só que, ao chegar, descobre que o local onde ela viveria é uma mansão em ruínas, que foi atingida por um míssil durante a Segunda Guerra Mundial. Ao investigar a área, Jake descobre que lá há uma fenda temporal, onde a Srta. Peregrine vive e protege várias crianças dotadas de poderes especiais.

Título original Miss Peregrine’s Home For Peculiar Children



Resenha filme:

Tratando-se de Tim Burton imaginei que seria algo muito bem roteirizado e dirigido, mas confesso que foi mais que surpreendente.

Como nas chamadas de trailer diz: É UMA ADAPTAÇÃO, e realmente que adaptação, diga-se de passagem, uma das melhores adaptações que já assisti.

Não ficou devendo nada ao livro, nenhuma cena ou passagem deixa o leitor perdido, pelo contrário achei que ficou mais claro e muito mais divertido, comparando com a obra literária nada se perdeu, acrescentou-se e isso foi um ponto extremamente positivo.

Algumas passagens/cenas totalmente diferentes, totalmente mesmo, mas sabendo do trabalho fantástico de Tim Burton não dá para fazer tal comparação. A única sensação que tive é, se houver uma continuação será tão fantástico, ou melhor, ainda.

Melhor filme adaptado a que já assisti, esse sem dúvida é o filme melhor que o livro, na minha humilde opinião.

Nota: 5/5 estrelas.

 

Por Roberta Corrêa.

Fontes:

Adoro Cinema .

Sobre Sagas.

 

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s